top of page

Patrocinadores

WhatsApp Image 2020-06-20 at 19.43.01.jp
  • Foto do escritorJota Jorge

Opinião objetiva - O maior regional do Brasil

Amigo do esporte,


os campeonatos regionais abrem a temporada do futebol no Brasil. Muitos são partidários da extinção desse campeonato. Outros defendem a permanência em nome da tradição, da história. E também por um passado glorioso onde se revelava muitos jogadores.

Os Regionais sobrevivem pelo torcedor apaixonado e pelas rivalidades históricas. Mas é preciso que se diga que ao longo dos anos, os mais atraentes sempre foram os de São Paulo e do Rio. E curiosamente, a maior rivalidade do Brasil está fora desse eixo.

Gre-Nal é, sem dúvida, a maior rivalidade do Brasil. Mas deixemos de lado esse aspecto e vamos focar num ponto que acho fundamental: o grau de dificuldade. Nesse ponto, São Paulo é disparado o mais atraente, o mais difícil e o mais disputado. Se o Rio dividia a importância com São Paulo, hoje está longe de ter uma competitividade semelhante.

Outros centros importantes do Brasil tem apenas dois, no máximo três competidores que disputam o título. No Sul, Grêmio e Inter. Em Minas Atlético e Cruzeiro (sendo benevolente, o América). Na Bahia, Bahia e Vitória. No Paraná, Athlético e Coritiba (com muito boa vontade o Paraná) e assim por diante.

Mas e o Rio? O Rio tem quatro grandes! De fato, tem quatro grandes. Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco da Gama têm história. Infelizmente são só esses. Não há adversário para esse quarteto. Times ruins, campos impraticáveis, condições precárias fazem com que essa quadra de ases comande o futebol carioca. Futebol que já teve fase áurea de Bangu, de América, futebol que soterrou Canto do Rio, Bonsucesso, São Cristóvão, Campo Grande, times tradicionais.

E a tendência é que outros clubes pequenos sigam o mesmo caminho: do fim. Aí entra São Paulo. Que também soterrou times tradicionais como Marília, XV de Jaú, América de Rio Preto, São José, Matonense, Taquaritinga, Nacional, Francana. Mas por ouro lado surge São Bernardo, Água Santa, Red Bull Bragantino, Mirassol. E convenhamos, o nível do futebol paulista é imensamente superior aos demais campeonatos.

Ainda que com um regulamento esdrúxulo, onde o time não joga com os outros times do grupo, e tantas outras aberrações, é disparado o maior regional do Brasil. Na versão atual tivemos times considerados pequenos fazendo frente aos papões. São Bernardo, Água Santa, Red Bull Bragantino são exemplos disso. Podem falar o que quiser, podem contestar, podem chiar a vontade. Mas é um fato inquestionável. Enquanto existirem os Regionais, vamos continuar sendo o mais atraente, o mais difícil, o mais disputado e o mais apaixonante campeonato regional do Brasil! Até mais!

38 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Opinião objetiva - Do choro ao riso

Amigo do esporte, Todo mundo sabe que a vida é feita de fases. Criança, adolescente, jovem, adulto e idoso. O que vou relatar aqui, é aquilo que senti ao longo da vida com relação ao futebol. Vivo del

Por quê Paquetá na Seleção?

Amigo do esporte, todos já sabem do problema envolvendo o jogador Paquetá. Importante para o West Ham e importante para a Seleção, Paquetá está envolvido com site de apostas. E não venham querer inoce

Comentarios


bottom of page