top of page

Patrocinadores

WhatsApp Image 2020-06-20 at 19.43.01.jp
  • Foto do escritorJota Jorge

Opinião objetiva - Mudança de Hábito

Amigo do esporte,


desde que o mundo é mundo o homem aprendeu a reclamar. E gosta até hoje. Se chove, reclama. Se não chove, reclama. Se faz frio, reclama. Se faz calor, reclama. E assim em todos os fatos e situações. No futebol, então, é um caos. Todos reclamam. Diretores, treinadores, auxiliares de treinador, jogadores, massagistas, roupeiros, todos sem exceção. Quero abordar especificamente os treinadores.

O treinador sempre reclamou. Mas antigamente era severamente repreendido e muitas vezes expulso pelo árbitro. Hoje isso não ocorre. Lamentavelmente nos dias de hoje o treinador vocifera ao longo de todo o jogo, profere palavrões, xinga em alto e bom som, peita árbitro reserva, jogadores adversários e o máximo que recebem é uma advertência ou cartão amarelo.

Somente em casos que ultrapassam a racionalidade são expulsos. Essa mudança de hábito teve início com o declínio total de nossa arbitragem. São árbitros despreparados técnica e psicologicamente para tomar decisões enérgicas. Todos os treinadores hoje, sem exceção, usam e abusam do direito de reclamar. É revoltante a atitude de alguns. E não são só os estrangeiros, não.

É fato que há uma certa tolerância maior com os estrangeiros. Mas os nossos treinadores também abusam. Talvez nem tanto. Mas não deixam de dar seu showzinho particular. O campeoníssimo de reclamações abusivas e fora do normal é Abel Ferreira. Acha que pode ficar falando besteiras ao longo de todo o jogo, reclamando de tudo e de todos sem ser admoestado. E o pior é que os árbitros têm medo de encará-lo.

Atrás dele vem outros estrangeiros. Jorge Sampaoli enquanto esteve aqui era dessa escola. Vitor Pereira também várias vezes abusa. Bem, quase todos não sabem se comportar. E lamentavelmente os brasileiros embarcaram nessa onda. Maurício Barbieri, Mano Menezes, Gilson Kleina, Dorival Jr., a maioria absoluta adotou esse comportamento execrável e abominável.

Toda essa mudança de comportamento se deu pela inoperância das autoridades. É lamentável que tenha se proliferado. Algo precisa ser feito para que os treinadores voltem a ter um comportamento compatível com a posição que ocupam. Afinal, devem ser o exemplo para os jogadores. Tomara que isso mude. para o bem da disciplina e para o bem do futebol. Até mais!

29 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page