top of page

Patrocinadores

WhatsApp Image 2020-06-20 at 19.43.01.jp
  • Foto do escritorJota Jorge

Opinião objetiva - A verdadeira mística de La Bombonera

Amigo do esporte,


o estádio Alberto José Armando, mais conhecido por "La Bombonera" ainda hoje é temido pelos visitantes. Construído de uma forma que parece realmente uma bombonière, onde "la inchada" fica em cima do campo, a pressão lá é muito grande. Antigamente era quase impossível conquistar pontos ali. Aliado ao fato citado acima, o Boca Juniors teve grandes nomes em suas fileiras, o que atemorizava ainda mais seus adversários.

Alguns deles marcaram época. Rattin, Riquelme, Batistuta, Burdisso, Cabañas, Bermudez, Córdoba, Soñora, Alfredo Rojas, Navarro Montoya, Caniggia, Cherro, Abbondanzieri, os brasileiros Paulo Valentim e Heleno de Freitas, e claro, o maior de todos Diego Armando Maradona. Esse e muitos outros compuseram grandes times do Xeneize.

Era realmente a mística de "La Bombonera". O tempo passou e hoje, o foco mudou. A mística é outra. Ao invés do estádio meter medo no adversário pela força do Boca, forças ocultas falam mais alto. O time hoje é horrível. Corre insanamente sem qualquer organização, sem talentos, um amontoado de jogadores esforçados que tentam, pelo apelo da torcida compensar a ruindade com garra e correria.

O medo real dos adversários hoje quando enfrentam o Boca lá é da pressão que se exerce sobre a arbitragem. Até pelo ruído e pela manifestação da torcida, a arbitragem se sente absurdamente pressionada e acaba praticando a chamada arbitragem caseira. Contra o adversário tudo, contra o Boca nem tudo. Hoje o medo de jogar lá se traduz na arbitragem. É impressionante como o clima acaba induzindo o árbitro a favorecer o time da casa. Tudo colabora para uma arbitragem que agrade o Boca. E não é de hoje.

Faz tempo que o Boca não tem um time a altura de sua tradição. Jogadores medíocres e treinadores incompetentes fizeram com que mesmo com arbitragens tendenciosas os adversários consigam resultados expressivos. Se antes o time era respeitado por seus valores individuais, hoje o time é respeitado pela arbitragem. É muito triste também que a torcida lá, como em qualquer lugar, desrespeite a torcida adversária.

Em se tratando de Brasil, é inevitável o gesto de macaco contra nossos torcedores e jogadores. Esse é o clima de hoje em "La Bombonera". Um estádio célebre por sua história de grandes conquistas com grandes jogadores, mas que hoje se tornou uma armadilha em conluio com a arbitragem para favorecer um time de tantas glórias, mas que hoje não passa de um arremedo, uma cópia mal feita de grandes formações. Infelizmente! Até mais!

59 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Opinião objetiva - O que se deve copiar

Amigo do esporte, de algumas décadas para cá, o Brasil anda copiando muita coisa do futebol europeu. A começar por uma mudança em nosso hábito que não perdoo. O fato de as equipes entrarem em campo si

Opinião objetiva - mais do mesmo

Amigo do esporte, Já de algum tempo, Palmeiras e Flamengo vem dominando o futebol brasileiro e sul-americano. São as equipes mais bem estruturadas, mais profissionalizadas e com mais recursos financei

Comentarios


bottom of page