top of page

Patrocinadores

WhatsApp Image 2020-06-20 at 19.43.01.jp
  • Foto do escritorJota Jorge

Música de hoje e sempre - "Na baixa do sapateiro", Ary Barroso, por "Anjos do Inferno"

"Na Baixa do Sapateiro" foi uma das composições de Ary Barroso de maior sucesso no mundo. Lançada em 1938 interpretada por Carmen Miranda, ficou conhecida mundialmente com o título de "Baía".

A gravação foi feita com um enorme aparato e com a presença da orquestra Odeon Records. Era um tempo de ufanismo com o governo de Getúlio Vargas, por isso o samba-exaltação. Em 1944, no desenho animado de Walt Disney "Você já foi a Bahia?", apareceu numa versão inglesa e o sucesso foi tamanho, que nos Estados Unidos foram vendidas mais de 1 milhão de cópias de partituras impressas da música só em 1945.

Aqui, uma gravação raríssima de "Na Baixa do Sapateiro" ou "Baía", de 1947, com os "Anjos do Inferno". Maravilhosa e rara interpretação desse conjunto fantástico de uma música que, sem dúvida, é "de hoje e sempre". Curta!

Letra

Ai, o amô, ai, ai

Amô bobagem que a gente

Não explica, ai, ai

Prova um bocadinho, oi

Fica envenenado, oi

E pro resto da vida

É um tal de sofrê

O-la-rá, o-le-rê


Oi, Bahia, ai, ai

Bahia que não me sai do pensamento, ai, ai

Faço o meu lamento, oi

Na desesperança, oi

De encontrá pr'esse mundo

O amô que eu perdi na Bahia

Vou contá


Na Baixa do Sapateiro

Encontrei um dia

A morena mais frajola da Bahia

Pedi-lhe um beijo, não deu

Um abraço, sorriu

Pedi-lhe a mão, não quis dar, fugiu


Bahia, terra da felicidade

Morena, eu ando louco de saudade

Meu Sinhô do Bonfim

Arranje outra morena

Igualzinha pra mim

Ai, Bahia, ai, ai

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page