top of page

Patrocinadores

WhatsApp Image 2020-06-20 at 19.43.01.jp
  • Foto do escritorJota Jorge

Conheça o craque - Ronnie Peterson

Quem acompanhou a F1 na década de 70 vai se lembrar de um piloto arrojado, de muita habilidade, um loirinho tímido até, mas que nas pistas era espetacular. "Conheça o craque" hoje traz Bengt Ronald Peterson, conhecido como Ronnie Peterson.

Nascido em Örebro na Suécia, começou como a maioria dos pilotos no kart obtendo resultados expressivos. Seu estilo arrojado e calculista ele já tinha nessa modalidade. Sua pilotagem tinha como característica maior, o deslize do carro nas quatro rodas nas pistas, conforme muitas fotos documentam.

Suas atuações no kart chamaram a atenção da equipe Svebe de F3. Ali, conquistou em 1971 cinco segundos lugares o que lhe garantiu o vice-campeonato. Ainda em 1971 se sagrou campeão europeu de F2 pilotando um March. E foi na March que iniciou sua curta trajetória na F1 atuando no ano de 1972. Já em 1973 assinou com a Lotus para formar dupla com Emerson Fittipaldi.

Sua primeira vitória na nova escuderia aconteceu no GP da França. Em 1973 conseguiu mais três vitórias. Permaneceu na Lotus até 1976 com resultados satisfatórios com relação ao poderio da equipe. Em 1977 Ronnie Peterson assinou com a Tyrrell para pilotar o lendário carro de 6 rodas criado pela equipe.

Porém, a equipe que já se encontrava em decadência, amargou uma triste experiência com o carro, o que fez com que ele retornasse um ano depois a Lotus de Colin Chapman. Na volta a Lotus, aceitou ser o segundo piloto da equipe que tinha Mario Andretti como protagonista.

A Lotus acabava de desenvolver o famoso carro asa. Com duas vitórias no decorrer da temporada, não podia duelar com seu companheiro de equipe. E apesar dos resultados lhe assegurarem o vice-campeonato, iniciou contato com a McLaren para a temporada de 1979. Mas no GP da Itália de 78, Mario Andretti poderia se tornar campeão antecipado. E todas as atenções da equipe se voltaram para o carro dele.

Ronnie Peterson teve problemas com o carro desde os treinos o que o obrigou a trocar seu carro pelo reserva, um modelo antigo. E foi na largada desse GP que aconteceu o acidente que tirou a vida do piloto. Foi a primeira prova com a largada através do semáforo. E por um erro do diretor da prova, que não esperou que os carros das últimas filas parassem para acionar a partida, fez com que os carros das últimas filas pegassem embalo. Com mais velocidade os carros de trás partiram pra cima e o carro de Ronnie Peterson foi atingido em cheio, sendo arremessado contra o guard-rail.

Imediatamente o fogo tomou conta do carro. Ronnie foi retirado do carro por fiscais e pilotos. Levado ao hospital em estado gravíssimo, teve o pé esquerdo amputado e apesar de todos os esforços, acabou não resistindo. Prematuramente Ronnie nos deixou.

Uma maravilhosa carreira interrompida abruptamente de forma muito dura. Foram 123 GPs disputados. 10 vitórias, 26 pódios, 206 pontos e 14 pole positions. Ronnie Peterson, sem dúvida foi craque. E merece que relembremos sua carreira aqui no "Conheça o Craque"!

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page