top of page

Patrocinadores

WhatsApp Image 2020-06-20 at 19.43.01.jp
  • Foto do escritorJota Jorge

Conheça o craque - Paulo Silvino

Quem não se lembra dos bordões: "Cara, crachá, cara, crachá", "Isso é uma bichona seu diretor ", "Guenta, doutor, ele gueeeeenta"? Pois hoje o "Conheça o Craque" homenageia um dos maiores talentos da TV e do rádio brasileiros: Paulo Ricardo Campos Silvino, ou " Paulo Silvino". Ator, compositor, cantor, comediante, músico, apresentador e roteirista entre outras atividades, Paulo Silvino foi brilhante em toda a sua carreira.

Filho de Silvino Netto e Naja Silvino, iniciou a carreira no cinema em 1957 no filme "Sherlock de Araque"" interpretando um cantor de rock, com o pseudônimo de Dixon Savannah. Também com pseudônimo, desta vez Silvino Júnior, gravou ao lado de Altamiro Carrilho, Durval Ferreira e Eumir Deodato gravou um LP, Nova Geração em Ritmo de Samba", cantando todas as faixas.

Nas décadas de 60 e 70, escreve, atua e produz peças e teatrais e filmes, atuando também nas TVs Tupi, Continental, Rio e Excelsior. Em 1967 estréia na Globo no programa TV Ó, Canal Zero ganhando dois prêmios como melhor comediante do ano. A partir daí foi figura marcante e frequente em programas de humor participando de: "Faça o Humor, Não Faça a Guerra", "Satiricom", "Planeta dos Homens", "Balança Mas Não Cai", "Viva o Gordo" e "Brasil Pandeiro".

Em 1988 apresentou o "Programa do Chacrinha" em substituição ao Velho Guerreiro. Passou pelo SBT de 1989 a 1992 onde atuou na "Praça é Nossa" e "Escolinha do Golias". Na volta a Rede Globo, participou do Zorra Total, interpretando vários personagens. Com fortes bordões, eternizou personagens como o zelador Severino e o policial Fonseca.

Seu humor era baseado no duplo sentido e nos famosos bordões. Outro personagem marcante do artista foi o Senador de Zorra Total com seu bordão: "Eu quero é mamar!". Em 2016, descobriu que tinha um câncer no estômago. Foi operado com sucesso, mas no ano seguinte a doença se alastrou causando a morte do humorista eclético em agosto de 2017.

Paulo Silvino escreveu também, livros eróticos com o pseudônimo de Brigitte Bijou. Sem dúvida um talento extraordinário que atuou com brilhantismo em todas as áreas de artes cênicas e nos deixou uma saudade e uma lacuna irreparável. Grande, gigante Paulo Silvino merece estar presente no "Conheça o Craque" e em nossa eterna lembrança de um cara que além da cara engraçada tinha uma inteligência muito acima do normal, o que propiciou a ele uma carreira brilhante. Salve, Paulo Silvino, salve Fonseca, salve Senador, salve Severino. Eterna Saudade!


19 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page