top of page

Patrocinadores

WhatsApp Image 2020-06-20 at 19.43.01.jp
  • Foto do escritorJota Jorge

Conheça a craque - Elis Regina

Dando sequência as homenagens do mês da mulher, hoje o "Conheça a Craque" traz a maior cantora da história desse país. Elis Regina Carvalho Costa, ou "Elis Regina" simplesmente foi a voz mais linda de nossa música.

Gaúcha de Porto Alegre, "Lilica" (apelido de família) cresceu ouvindo Emilinha Borba, Cauby Peixoto, Marlene, Francisco Alves. Mas sua grande paixão era outra voz magnífica de nossa música: Ângela Maria.

Aos 12 anos, em 1957 cantou no programa Clube do Guri e tão expressiva foi sua apresentação que acabou fazendo parte do elenco fixo do programa. Já em 1958 iniciou sua carreira profissional na Rádio Gaúcha, onde no mesmo ano foi eleita a melhor cantora do rádio gaúcho.

A partir de 1960, além de participação na Rádio Gaúcha e na TV Gaúcha, Elis passou a fazer shows em boates de Porto Alegre, o que lhe rendeu em 1961 o primeiro contrato com uma gravadora.

Em 1964 começou a fazer shows em boates do Rio de Janeiro para onde se mudou a fim de cumprir seus compromissos profissionais na TV Rio ao lado de Ciro Monteiro no programa Noites de Gala e também no humorístico A Escolinha do Edinho Gordo, programa que deu origem a famosa Escolinha do Professor Raimundo, contracenando com nomes como Wilson Simonal, Jorge Benjor e o Trio Irakitan entre outros.

Em paralelo, Elis continuava a fazer shows em boates. Ao mesmo tempo em que se exibia em boates do Rio, fazia shows em São Paulo agendados por seu grande amigo e confidente Walter Silva. Em 1965, mudou-se para São Paulo, onde viu sua carreira decolar após vencer o 1° Festival de Música Popular Brasileira com a música Arrastão.

A partir daí, colecionou sucessos, teve um programa de TV ao lado de Jair Rodrigues, o "2 na Bossa" e teve o reconhecimento internacional. Eclética, era capaz de cantar qualquer ritmo com a mesma capacidade vocal e interpretativa. "Pimentinha" (apelido carinhoso dado por Vinícius de Moraes) foi comparada a cantoras internacionais do porte de Ella Fitzgerald, Sara Vaughan e Billie Holiday.

Notabilizou-se pelo ecletismo cantando desde Tom Jobim e outros monstros de nossa música, até desconhecidos na época como Belchior, Ivan Lins, Milton Nascimento entre outros. Detém vários prêmios e grandes sucessos como o show "Falso Brilhante", recordista de público em São Paulo.

Faleceu aos 36 anos no auge da carreira, vítima de overdose, uma mistura de álcool e cocaína. Deixa toda uma história de sucesso e talento. Excepcional Elis, você tinha que ser lembrada pra fazer parte do "Conheça a Craque". Valeu muito te ouvir!


Prêmios:


Troféu Imprensa de: 1966, 1967, 1968, 1969 e 1971.

Troféu APCA de 1973



17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page